Os finais de Awkward e Faking It

Duas séries adolescentes que eu acompanhava e morria de rir na MTV chegaram ao fim: Faking It, que foi cancelada, e Awkward.

(obviamente abaixo tem Spoilers)

Em Faking It, acompanhamos a lenga-lenga entre Karma e Amy, que após terem ficado populares por engano ao serem confundidas com um casal lésbico, resolveram levar a farsa adiante, mas uma delas acabou de apaixonando de verdade…

Durante três temporadas, todo mundo ali se pegou e brigou por causa disso. Karma e a dúvida de “não sei se amo a minha BFF ou se compro uma bicicleta” era tão chata quanto… bom, qualquer cena em que ela aparecia na verdade.

Já a Amy foi mantida na friendzone e de vez em quando botava as garrinhas de fora quando se iludia e quebrava a cara de novo… Mas mesmo assim a gente assistia!

Por quê?

Talvez pela sutileza de Lauren?

Ou pelo tanquinho do Liam?

Ou ainda pela sinceridade do Shane?

Provavelmente por todos esses fatores…  Mas a série começou a dar tanta reviravolta de 360º (sim porque voltava sempre p/ mesmo lugar) que anunciaram o cancelamento e os roteiristas tiveram que se virar com o que tinham… Então, o que fizeram?

Uma guria que só apareceu nos últimos episódios, que tinha namorado, mas ficou com ciúmes da amizade da Karma e da Amy, falou que era lésbica, pegou a Amy, descobriu que gostava mesmo dela, mas a Amy descobriu que ela tinha namorado e ficou p*** por estar sendo usada.

Então a Amy resolve dar uma chance ao menino que ela tinha deixado em banho maria quem nunca?, só que a Karma tava se aproximando desse mesmo menino p/ juntá-lo com a Amy já que sabia que a menina lá não prestava.. Nisso o menino começou a se interessar pela Karma… E  o Liam, que até então ainda gostava da Karma, mas que foi morar com a Lauren por ter virado sem-teto, acaba tendo que ficar com ela mesmo já que cagaram os outros casais e não sobrou ninguém p/ ele!

TRÊS TEMPORADAS p/ elenco principal terminar com pessoas absolutamente NADA A VER COM POHA NENHUMA!

Karma ficou com o menino que até então a Amy era a fim #bitch. Amy ficou com a garota que a usou p/ estragar a amizade dela com a Karma #otaria. E o Shane ficou com o menino que na verdade era uma menina, mas que virou menino e que gostava de menino #fofo.

Uma pena que uma série que abordava a sexualidade (falando não só de relações homo-afetivas como também de intersexualidade e transgêneros) de uma forma tão natural e leve tenha tido um final tão besta, visivelmente feito às pressas por conta do cancelamento. A série merecia mais. E os fãs também!

E o que falar de Awkward?

Jenna Hamilton leva um tombo bizarro e todos pensam que ela tinha tentado se matar. Por isso ela se torna conhecida na escola e as pessoas começam a se interessar pelo o que ela tem a dizer (e ela contava tudo no seu blog).

Típica série em que a protagonista é uma loser, mas que se envolve com o cara bonitão e popular com quem tem idas e vindas, tem uma amiga tagarela e que sonha em ser popular, uma mãe jovem que também quer que a filha seja popular; uma “vilãzinha” rica e mimada que fala tudo na cara e ofende todo mundo…

Embora os protagonistas fossem chatinhos com aquele romancezinho sem sal, Awkward também valia pelos outros personagens que davam toda graça à série.

Quem não amava os conselhos e maluquices da Val, a conselheira da escola?

As dicas da Sadie?

E as caras e bocas da Tamara?

Sim, a série já estava na hora de acabar. Os personagens são amadureceram em nada. Sadie continuou uma vaca mimada, só que perdeu a graça; Val só apareceu no último episódio; Tamara continuava com a mania de grandeza; Jenna continuou metendo os pés pelas mãos, alterando entre”amo o Matt” e “superei meu namorado do ensino médio” e o Matt continuou o bobão correndo atrás da Jenna.

Não acho que eles deveriam ter ficado juntos. A série deveria ter mostrado que eles finalmente deixaram a adolescência p/ trás e iriam cometer novos erros ao invés de repetir os mesmos. Foi um final preguiçoso, sem graça. Mas ainda assim vai deixar saudades!

P/ finalizar, não poderia deixar de comentar sobre o caso da menina de 16 anos.

Tendo cada vez mais certeza que o mundo já acabou há muito tempo e estamos vivendo num purgatório onde todos são julgados por tudo o tempo todo, nesta semana acompanhamos o caso da menina de 16 anos que foi estuprada por mais de 30 e ainda teve imagens divulgadas na internet.

O estupro ainda vem sendo motivo de questionamentos, com uma parte acreditando que não ocorreu, e o caso continua sendo investigado. Entretanto, o que mais choca são os comentários culpando a menina.

Rapidamente começaram a surgir fotos dela segurando armas, depoimentos de que ela se metia com más companhias, que era isso e aquilo… sendo que NADA, ABSOLUTAMENTE NADA justifica um estupro. Não importa o que ela veste, com quem ela anda, o que ela faz da vida dela, ela não merece, ela não tem culpa, e continua sendo a coisa mais terrível, apavorante e abominável que qualquer mulher pode passar. E se você não consegue ver isso, se você ainda tenta justificar de algum modo o indesculpável, inaceitável e injustificável, é porque lhe falta humanidade. Apenas isso. E isso é tudo.

 

Até a próxima!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s