Um final de semana sem muito o que fazer e vários filmes para ver

Olá,

o post de hoje será sobre os 5 filmes que eu vi nesse fds.

Sinopse: Uma jovem que veio do subúrbio se muda para a cidade de Paris, onde após devolver um objeto encontrado ao seu antigo dono resolve ajudar as pessoas que a cercam através de pequenos gestos. Dirigido por Jean-Pierre Jeunet (Alien – A Ressurreição). Recebeu 5 indicações ao Oscar.

-> Posso descrever o filme com uma palavra: suave. É um filme agradável, e a sutileza dos gestos dela para ajudar as pessoas que a cercam, não esperando nada em retorno, é muito bonito de se ver. Achei um filme muito bonitinho, e diferente. Eu particularmente gosto de filmes que narram a história do personagem desde o momento que ela nasce, com detalhes únicos e com um tom leve e até engraçado. O cinema francês mais uma vez mostra que é capaz de fazer filmes excelentes e sem grandes extravagâncias.

obs: vc deve ter olhado a foto do filme e se perguntando, “que filme eu vi com ela?”.. O código da vinci, na pele de Sophie Neveu.

Sinopse: Uma jovem perspicaz casa-se com um duque inglês, mas os fracassos em ter um filho fazem com que o casamento deles passe por problemas. Com Keira Knightley, Ralph Fiennes e Charlotte Rampling. Vencedor do Oscar de Melhor Figurino.

-> Eu gosto de filmes que contam histórias de personalidades femininas de épocas passadas. Então, assim como gostei de “Elisabeth” e “Maria Antonieta”, em “A Duquesa”
não foi diferente. Mansões, paisagens e figurinos incríveis. Um filme leve e interessante, bom para conhecermos a história de Georgiana Cavendish, a Duquesa de Devonshire, que foi uma pessoa que ficou famosa por seu casamento, beleza e estilo, gosto por jogos de azar e principalmente por participar ativamente de campanhas políticas.

Sinopse: Uma mulher sonha em trabalhar em sua revista de moda preferida, mas consegue emprego como colunista de uma revista de finanças da mesma editora. Com Joan Cusack e John Goodman.

-> O best-seller de Sophe Kinsella chega as telonas num filme com +/- 1:40h de duração. Eu li o livro, e por mais que eu adore literatura feminina boba, confesso ter achado o livro fútil demais e cansativo de ler, tanto que eu nem li o resto da coleção. Mas num filme, onde os pontos principais do livro são condensados em pouco tempo, torna-se algo divertido p/ se ver. É a tipíca comédia de “mulherzinha”, com roupas fabulosas e um cara lindo de morrer que é o mocinho. Bom p/ passar o tempo.. mas nessa linha de filmes fúteis, “O diabo veste prada” continua sendo meu favorito, o filme também eu achei é melhor do que o livro pelo mesmo motivo desse.

Sinopse: Inverno de 1964. Uma violenta tempestade de neve obriga o Dr. David Henry a fazer o parto de seus filhos gêmeos. O menino, primeiro a nascer, é perfeitamente saudável, mas o médico logo reconhece na menina sinais da síndrome de Down. Guiado por um impulso irrefreável e por dolorosas lembranças do passado, Dr. Henry toma uma decisão que mudará para sempre a vida de todos e o assombrará até a morte: ele pede que sua enfermeira, Caroline, entregue a criança para adoção e diz à esposa que a menina não sobreviveu. Tocada pela fragilidade do bebê, Caroline decide sair da cidade e criar Phoebe como sua própria filha. E Norah, a mãe, jamais consegue se recuperar do imenso vazio causado pela ausência da menina. A partir daí, uma intrincada trama de segredos, mentiras e traições se desenrola, abrindo feridas que nem o tempo será capaz de curar.

-> Sabe quando vc entra numa livraria sem saber o que comprar mas quer comprar algo de qlqr jeito? Eu normalmente vou às prateleiras dos best-sellers e fico lendo sinopses de livros, e foi assim que eu comprei “O Guardião de Memórias”. O título já tinha me chamado atenção, e o fato de ter vendido mais de 3 milhões de cópias nos EUA me intrigou, então eu o li. Alta densidade psicológica dos personagens e muito descritivo, é o que eu posso falar do livro. É bom, porém, eu acho mt cansativo livros assim, não me prendem atenção…
Logo, como eu falei do filme acima, esse é mais um caso, em que achei o filme melhor do que o livro. Porque vc vê tudo que ele tanto descreveu, numa cena, num simples gesto de um personagem. Um filme bonito e bem fiel ao livro ;]

Sinopse: Paciente acidentado é cuidado por enfermeira que se torna sua confidente. Atrás de um homem à beira da morte está uma história de amor e intrigas. Vencedor de 9 Oscars, incluindo “melhor filme”.

-> Sabe o tipo de filme que vc tem que assistir até o final p/ poder dizer se é bom ou ruim? P/ mim, esse é um bom exemplo. No meio do filme, minha mãe me perguntou se o filme era bom, e eu não sabia o que dizer, porque até então eu não via nada demais no filme. Não entendia o porque dele ter ganhado 9 oscars. Depois de quase 3h, eu cheguei a conclusão: é um bom filme. É uma linda história na verdade, que acontece durante a 2ª Guerra Mundial, onde você conhece muitas memórias do enfermo, mas que só no final, depois de saber tudo sobre ele, você entende a sutileza e beleza de sua história e porque de fato, foi uma grande história de amor.

P/ vcs que estão entediados nesse finalzinho de férias, esses são os filmes que eu vi e recomendo ;D

Boa semana!

bjss

Anúncios

2 comentários sobre “Um final de semana sem muito o que fazer e vários filmes para ver

  1. Rapaz, Mari Wilbert traz uns filmes alternativos que eu nunca vi mais gordos – o que pode significar realmente que sejam bons.
    Uma vez tentei ver um filme francês e achei realmente chato; desde então tenho um certo trauma (e pq não dizer preconceito?) com o cinema da França. Mas acho que ainda vou relutar um bocado em chegar na locadora e pagar 5 contos-de-réis num filme francês…
    Bem, sentindo-me um pobre menino inculto diante deste post, já que não tive a oportunidade de ver nenhuma das obras citadas, fica a sugestão para a próxima visita à Toca do Vídeo!

    Beijos!

    Curtir

  2. Tbm gostei mt d “O fabuloso destino de Amelie Poulain” eh um filme engraçadinho e bonitinho ahuahuahauh
    naum vi os outros filmes mas “Os Delirios d consumo d Becky Bloom” dv ser uma comedia legalzinha tbm…
    E “O guardiao de memorias” tbm parece ser bom, mas se naum for pelo menos tem o Dermot Mulroney ahuahuahauah
    bjuss

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s